Notícias

Medida reforça segurança nas fronteiras do Mato Grosso para combate ao tráfico de drogas

Quarta, 11 de novembro de 2020.

11102020 Gefron01Convênio assinado entre o Fundo Nacional Antidrogas (Funad) e a Secretaria Estadual de Segurança Pública (Sesp-MT) destina recursos ao Grupo Especial de Segurança na Fronteira (Gefron) para reforçar as atividades operacionais nas regiões fronteiriças de Mato Grosso. Com a assinatura, serão destinados mais de R$ 2,2 milhões.

Com o convênio, o Grupo poderá adquirir vans e ônibus para o transporte da tropa, veículos apropriados para o transporte dos cães, viaturas descaracterizadas para o trabalho do setor de Inteligência da unidade e viaturas caracterizadas para o policiamento operacional. Atualmente o Gefron conta com quadro de 140 operadores que reforçam a segurança de mais de 750 quilômetros de fronteira seca com a Bolívia, país reconhecidamente produtor de drogas.

Entre janeiro e setembro de 2020 foram apreendidas pelo Grupo mais de 11 mil toneladas de entorpecentes, mais que o dobro do mesmo período do ano de 2019, quando mais de 5 mil toneladas de drogas foram apreendidas. Também em 2020, a unidade realizou a maior apreensão de entorpecentes durante os 18 anos de existência: mais de uma tonelada de pasta base de cocaína foram apreendidas, totalizando R$ 25 milhões de prejuízo ao crime.

Observatório do crack
Trabalhando no sentido de auxiliar aos Municípios brasileiros em prol da gestão municipal, a Confederação Nacional de Municípios (CNM), por meio do Observatório do crack, auxiliou no desenvolvimento do texto do Projeto de Lei (PL) 304/2016, que aguarda votação no Congresso Nacional. A medida visa repassar auxílio financeiro aos Municípios nos meses de janeiro e julho de cada ano.

O Observatório do Crack é uma importante ferramenta disponibilizada pela CNM que traz um retrato real de como a droga afeta os Municípios brasileiros. Os dados são reais e atualizados sempre que os gestores municipais acessam ao sistema.

Da Agência CNM de Notícias